31
Mar 09
publicado por aquiagorasempre, às 08:50link do post
Sentia o cheiro
da chuva;
o grito dos pássaros,
a consistência dos musgos
antiqüíssimos.
Tentava entender a mecânica
das gotas ácidas
alinhadas,uma a uma,
o silêncio cinza das nuvens
onde o que restou do sol
pousava.
E o corpo sofria
feito ave sem asas:
de sede,se afogava.

Passa no meu blogue. E aceita o prémio ;)

Abraço =)
Daniel Silva a 31 de Março de 2009 às 20:26

De
 
Nome

Url

Email

Guardar Dados?

Ainda não tem um Blog no SAPO? Crie já um. É grátis.

Comentário

Máximo de 4300 caracteres



Copiar caracteres

 



mais sobre mim
Março 2009
Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4
5
6
7

8
9
11

16
18

25
28



pesquisar neste blog
 
tags

todas as tags

subscrever feeds
blogs SAPO